bombeamento solar, bomba solar

 BOMBEAMENTO SOLAR PARA BOMBA TRIFÁSICA

 

Dimensionamento do sistema:

Caso já possua uma bomba trifásica 220v ou 380v, o nosso sistema de bombeamento solar é compatível com o modelo convencional de bomba, e pode ser adquirido de acordo com a potência do motor.

Caso ainda não possua a bomba, podemos orientar de forma a escolher o sistema mais adequado a começar pela bomba, para isto vamos precisar das informações a seguir:
- Volume de água/dia esperado

- Profundidade da bomba no poço

- Distancia e desnivel da saida do poço até o reservatório

- Tubulação utilizada (caso já tiver). Ver tabela de perda de arrasto na tubulação conforme abaixo para escolher a bitola apropriada. Considerar 5h de sol/dia, exemplo se precisa de 20.000 litros/dia, precisará de uma bomba que produza uma vazão de 4.000 litros/hora. Usar este valor /hora, na tabela abaixo para determinar a bitola da tubulação adequada.

imagem_20220221_094703.png

Com estas informações, podemos indicar a bomba mais apropriada e o sistema de energia solar indicado.

 

A Bomba dagua:

  A bomba dagua pode ser modelo submersa ou periférica, a sua escolha, obrigatoriamente trifásica, podendo atender as voltagens 220vac ou 380vac. Acima de 3cv recomendamos utilização de voltagem 380v para menores perdas elétricas e maior eficiência.

 

 

 

Instalação das placas:

As placas devem ser instaladas em local aberto, se possível, sem sombreamento. Para maior aproveitamento de seu sistema, ao escolher o local de instalação, observar antes se não esta sujeito a sombras em todos os horários do dia.

Alinhar as placas voltadas para o norte, com inclinação minima de 15° para evitar acumulo de resíduos sobre a face da placa.

imagem_20220221_174140.png

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Instalação elétrica:

O quadro elétrico deve ser instalado em local protegido do sol e da umidade.

O cabeamento das placas até o quadro, deve ser feito com cabo solar e o cabeamento do quadro até a bomba com cabo PP apropriado com bitola compatível com a potência da bomba e distância. Abaixo tabela de cabos para bomba trifásica:

 

imagem_20220221_174306.png

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Quadro montado:

 

O quadro de bombeamento solar Kasatec, vai montado com os dispositivos de proteção, disjuntores e DPS(dispositivo de proteção contra raio), possue também, bornes identificados como B e B, para ligação do sensor bóia, e V e V como entrada do sensor vareta. Estes sensores são simples interruptores, podendo ser de baixa potência, para sinalizar respectivamente, reservatorio cheio ou falta de agua do poço.

Abaixo ilustração dos sensores:

imagem_20220221_174512.png

 Acima a boia sensor

A bóia sensor normalmente vem com 3 fios, para escolha de montagem em poço ou reservatório. Escolher os 2 fios de modo a fechar os contatos quando o reservatório estiver cheio, desligando a bomba. (normalmente o contrário da indicação na caixa do produto).

imagem_20220221_174601.png

 

 

Acima temos o sensor de montagem vertical da Eicos (Também conhecido como sensor vareta).

Este sensor permite a troca entre contato NF (normalmente fechado) ou NA(normalmente aberto), invertendo-se a peça movel da bóia. Ajustar a peça movel de modo que ao faltar agua no poço, fechar o contato provocando o desligamento da bomba.

 

Recomendações importantes para instalação:

1 - Testar a bomba dentro de um tambor antes de instalar no poço esta recomendação pode evitar problemas de mau funcionamento. A bomba normalmente vem seca internamente, e pode não empurrar a agua devido a ar no sistema. Se isto ocorrer, no tambor, levante a válvula retentora na cabeça da bomba (ver fig. 1 abaixo), para entrar agua no bombeador e assim começar a bombear.

Fig. 1

imagem_20220221_174652.png

 

2- Acertar a fase dos enrolamentos trifásicos da bomba inverter 2 fios quaisquer e verificar se o volume de agua aumenta ou diminue. A fase correta será identificada pelo maior volume de agua.

3 Caso o cabo da bomba seja maior que 100m, pode ocorrer erro no inversor provocado por fuga de corrente, devido ao efeito de capacitâncias parasitas no cabo. Isto é raro, mas pode ocorrer com algum modelo de bomba. Neste caso, necessário acrescentar reator de compensação em série com a bomba.